Visualizações de página do mês passado

terça-feira, 10 de junho de 2014

#ESPECIAL2TS Seja Mais Criativo





Caro leitor,


Já ouvi muita gente dizer: “Eu não sou criativo”! Mas, será que esta afirmação é correta? Será que realmente existem pessoas que não possuem nenhum pingo de criatividade? Ou será que sua criatividade esta apenas adormecida?

Definição de Criatividade: A Criatividade é a faculdade, habilidade de criar, ou o potencial criativo. Consiste em encontrar métodos para executar tarefas de uma maneira nova ou diferente do habitual, com a intenção de satisfazer um propósito. A criatividade nos permite cumprir os desejos de forma mais eficiente e satisfatória. (Fonte: Wikipédia)

Acredito que todos nós somos criativos, e a única coisa que diferencia as pessoas muito criativas das pouco criativas é a forma que treinamos e utilizamos esta criatividade. Meu exemplo preferido para demonstrar o que afirmo são as crianças, perceba que toda criança tem um potencial gigantesco para criar, seja uma brincadeira, um apelido, um nome, uma travessura, um amigo imaginário, etc... As crianças criam o tempo todo, e não se importam com as ideias convencionais que apontam o certo do errado, elas apenas criam para atender uma necessidade existente em seu dia a dia, seja ela para chamar alguém, pedir algo, etc... Esta é a criatividade em sua essência, com o único e exclusivo objetivo de solucionar um problema... Não é Genial?

Mas, se todos nós nascemos com a criatividade aflorada, em que parte da vida ela volta a adormecer? Infelizmente, boa parte de nosso senso criativo começa a adormecer a partir do momento em que entramos na escola. O processo educacional tradicional nos induz a ter apenas as respostas certas para cada questão, e não utilizar o tempo e cérebro para buscar outras respostas que se não totalmente corretas, podem ser um novo caminho para se atingir o objetivo. Este conceito de buscar apenas 1 resposta certa cria pequenos bloqueios ao longo da vida que aos poucos nos fazem repetir um mantra de um caminho único e sem rotas alternativas.

Quero deixar claro que não estou dizendo que as escolas devam ensinar aos alunos que 1 + 1 pode ser qualquer resultado, ou muito menos que Pedro Alvares Cabral pode não ter sido o descobridor do Brasil, minha ideia é apenas que elas também utilizem em seus métodos de ensino ações que possibilitem aos jovens alunos utilizar sua criatividade de forma produtiva e focada para solucionar questões práticas do dia a dia que podem tornar-se diferenciais de sucesso no futuro de suas vidas e carreiras. Espero que em breve as instituições de ensino consigam implantar em sua grade este tipo de ação, pois será muito importante começarmos a construir uma nova geração mais criativa e pronta para enfrentar os desafios de uma vida cada vez mais competitiva e exigente.

Porém, enquanto ainda não conseguimos atingir este objetivo de uma educação básica mais criativa, este post vai tentar ajudar algumas pessoas que reclamam por não se acharem tão criativas. Listei 4 dicas essenciais que podem ser colocadas em pratica no dia a dia com o objetivo principal de treinar suas habilidades criativas e lhe motivar a utiliza-las sempre que necessário.
Confira:


1 – MUDE SUA ROTINA
Quebre a rotina... Ter novas ideias passa diretamente por viver novas experiências! Diferente do que muitas pessoas acreditam, ser criativo não é um dom divino ou algo do tipo, mas sim uma característica de pessoas que conseguem utilizar conhecimento e experiências adquiridas para a construção de soluções praticas. Quando adotamos uma mesma rotina de ações acabamos por sempre produzir um mesmo caminho de ideias, pois nossas experiências estão restritas a um único ambiente ou filosofias. Uma ideia para lhe ajudar a agregar mais conhecimento e novas experiências esta em mudar um pouco sua rotina diária. Já pensou em ir para o trabalho de transporte público em vez de usar o carro? Ou ainda, se vai de carro, já pensou em fazer um caminho diferente? Tome um café no meio da tarde, faça um passeio durante a semana, etc. Ver pessoas diferentes, ter novas sensações, presenciar novas situações, desfrutar de novos momentos, tudo isso é essencial para enchermos nosso “HD” de conteúdo diferenciado. Ter um “arquivo pessoal” repleto de coisas diferentes eleva seu potencial criativo, ajudando lhe a encontrar respostas e soluções criativas com maior intensidade e frequência.


2 – PENSE AO CONTRÁRIO
Pensar igual só produz resultados iguais! Essa é com certeza uma afirmação coerente sobre a criatividade. Uma das chaves para abrir o caminho de novas respostas é justamente abandonar o pensamento padrão e começar a fazer as perguntas utilizando um novo âmbito. Não tenha mais a visão de que a pergunta é um problema, mas enxergue o problema como parte da solução, e que um novo olhar sobre ele pode produzir a melhor resposta. Por exemplo. Um cliente me apresenta o seguinte problema: “Por que não consigo novos clientes?”, este é o problema a ser solucionado, e talvez, a resposta não esteja em tentar descobrir o porquê a empresa não conquista clientes, mas sim em saber por que, ou como ele ainda mantem seus atuais clientes... Ou seja, o diferencial atrativo da marca pode ser encontrado e explorado apenas fazendo a pergunta de um novo jeito e por um novo âmbito. A pergunta é o menos importante, pois o que vale mesmo é a solução que será encontrada para ela. Pense diferente para construir soluções criativas!


3 – PONTO DE CRIATIVIDADE
Sabe aquele estalo? Aquela hora que você tem a ideia que resolve seu problema... Já reparou que isso pode acontecer com maior frequência quando você esta realizando uma atividade não ligada ao trabalho? Muitos especialistas defendem que para termos uma boa ideia precisamos nos afastar do problema em si, é quase um plano de esvaziar a mente para ser mais criativo. Por exemplo, atividades comuns como andar de bicicleta, lavar louça, tomar um banho, ou lavar o carro podem ser seu ponto de criatividade para novas ideias. Estas atividades que são basicamente operacionais produzem um certo descanso e relaxamento do cérebro, o que proporciona o afastamento necessário do problema para obter sua solução. Ficar com a cara atolada no computador quando precisamos de uma ideia criativa pode não ser a melhor opção, uma mente cansada não produz respostas, só duvidas. Encontre seu ponto de criatividade e o torne produtivo.


4 – SAIA DO LUGAR COMUM
Enfim, para produzirmos soluções criativas o caminho é sair do lugar comum, abandonar os paradigmas e conceitos estipulados pela mídia e sociedade, e ir em busca de algo novo, algo que ainda não tenha sido pensado... Por mais “impossível” que algo possa parecer, é justamente isso que o torna tão especial e desejado. O Lugar Comum é o ambiente em que todas as ideias iguais acabam caindo, lá não existe nada de novo, apenas o já conhecido e praticado como o mesmo de sempre. Tenho certeza que daqui pra frente este será um lugar que você desejará passar bem longe daqui pra frente!


Seja louco! Não tenha medo de ser criativo ou de se arriscar pelo desconhecido... As mentes mais criativas do Mundo em algum momento da história também já foram chamadas de loucas por quererem algo fora do convencional! Seja um louco você também...




Um Grande Abraço e seja Louco




E-mail / Skype: leandro.2ts@hotmail.com
Twitter: @leo2ts
#2TS
 “Os Sonhos nos Motivam, mas são as Ideias que nos Movem”.
Deixe seu comentário a respeito do post publicado, sua opinião é muito importante para oferecermos um conteúdo com cada vez mais qualidade e relevância ao seu dia a dia.
a a dia.